Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


O Areias Gordas Colheita Tardia de 2012

por Raul Lufinha, em 01.05.16

Tomaz Vieira da Cruz

Tomaz Vieira da Cruz

Foi uma grande descoberta no Peixe em Lisboa…

… a vibrante acidez do mais recente Areias Gordas Colheita Tardia!

Tal como o de 2009, provado aqui...

...  é produzido no terroir da vinha da Terra Larga, em Salvaterra de Magos…

… e com uvas atacadas pela podridão nobre!

Mas desta vez, para além de Fernão Pires…

… Tomaz Vieira da Cruz também utiliza Semillon!

A vindima foi feita no dia 13 de novembro de 2012…

… e em agosto de 2015 encheram-se 860 garrafas – mas de 750 ml.

Resultando num vinho doce, com notas melosas, muita toranja, fruta cristalizada…

… e uma acidez fantástica!

Areias Gordas Late Harvest 2012

Areias Gordas Late Harvest 2012

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:55

Areias Gordas, vinhos óptimos

por Raul Lufinha, em 27.08.14

Enólogo Tomaz Vieira da Cruz

É na vinha da Terra Larga, em Salvaterra de Magos, na região vitivinícola do Tejo, que nascem os vinhos da Sociedade Agrícola de Areias Gordas.

Vinhos diferentes, únicos, contra-a-corrente… como é timbre do enólogo Tomaz Vieira da Cruz.

E vinhos apreciados por quem gosta de apreciar vinhos – não por acaso, ainda há dias no CLARO! o Areias Gordas branco de 2012 foi o único vinho não-seu que o chef e produtor Vítor Claro incluiu no menu de Verão…!

… na Adega&Gourmet

Na Adega&Gourmet, em Campo de Ourique, Lisboa, estiveram à prova cinco destes vinhos do produtor ribatejano.

Desde logo, o novo – e excelente – Alboroque, fruto de uma parceria com Joaquim Arnaud… já comentado aqui… e apresentado neste jantar

… o qual – como verdadeiro vinho de aperitivo que é – harmonizou na perfeição com o queijo da ilha de São Jorge…

… e também com o maravilhoso presunto de porco de Joaquim Arnaud... com 40 meses de cura!

Depois, estavam igualmente à prova os Areias Gordas branco e tinto da colheita de 2013.

Alboroque branco aperitivo 2013

Areias Gordas branco 2013

Areias Gordas tinto 2013

A seguir, um vinho tão-ao-contrário, mas tão-ao-contrário… que até lhe deram o nome de “Ao Contrário”!

É um varietal de Tinto Cão da colheita de 2009 engarrafado somente em 2013 e apenas em garrafas magnum, com pouco álcool, pouca cor, pouca estrutura, nenhum sabor a baunilha ou a chocolate (estagiou em barrica de castanho!), enfim, um vinho que, dito assim, até parecia não ter nada de especial… mas que depois, vai-se a ver, é extraordinário!

Ao Contrário tinto 2009

Para terminar a prova, Tomaz Vieira da Cruz apresentou o seu extraordinário Colheita Tardia – de 30 de Outubro de 2009 – feito exclusivamente com Fernão Pires… mas muito pouco doce!

Areias Gordas Late Harvest 2009

E agora que já começaram as vindimas na Terra Larga… que surpresas nos trará a colheita de 2014?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:01

Joaquim Arnaud: carnes e vinhos inesquecíveis

por Raul Lufinha, em 03.08.14

Joaquim Arnaud

É curioso que nem toda a gente conhece Joaquim Arnaud pelas mesmas razões.

Há quem pense que é apenas um produtor de carne, sem saber que também produz vinhos magníficos…

E há quem o associe aos vinhos, desconhecendo que também produz carne de excelência… incluindo o famoso presunto de vaca!

Pelo que o produtor de Pavia, no concelho alentejano de Mora, resolveu juntar num único jantar… as suas carnes e os seus vinhos!

Espumante Joaquim Arnaud

Broa de Milho com Chouriço e Presunto de Vaca Joaquim Arnaud

Pão com Chouriço Joaquim Arnaud

Consommé da Horta aromatizado, Crocante de Chouriço Joaquim Arnaud, Ovo de Codorniz e Charuto de Queijo com Chouriço Joaquim Arnaud…

… cujos sabores fumados conjugaram na perfeição com o Arundel Young tinto 2012

Três tapas com produtos Joaquim Arnaud: Presunto de Vaca, Chouriço e Presunto de Porco Alentejano…

… harmonizadas com o novíssimo Alboroque, um vinho branco de aperitivo em estreia absoluta neste jantar…

… e que foi apresentado pelo enólogo Tomaz Vieira da Cruz, resultando de uma parceria entre o produtor Areias Gordas e Joaquim Arnaud

Filete de peixe sobre saladinha de três variedades de pimento (verde, vermelho, amarelo) e milho frito…

… harmonizado com um vinho não de Joaquim Arnaud mas da região da Escola de Hotelaria, o Colares branco Chão Rijo 2012

Duo de Vaca de Joaquim Arnaud: Presunto de Vaca e Estufado de Vaca…

… harmonizado com o absolutamente extraordinário Arundel Great, o tinto topo de gama de Joaquim Arnaud – apenas 399 garrafas 100% Alicante Bouschet da colheita de 2008

Lombinho de Porco Alentejano de Joaquim Arnaud com Crumble de Salsichão também de Joaquim Arnaud, Cogumelos do Bosque e Chips de Batata-Doce…

… conjugado com o Arundel tinto 2009

Queijada de Laranja / Torta de Laranja / Trufa de Pêra Rocha e redução de Moscatel de Setúbal Joaquim Arnaud 2011

… harmonizadas com o próprio Moscatel de Setúbal Joaquim Arnaud 2011

Pastel de Maçã Reineta

Arundel Young tinto 2012

Alboroque branco aperitivo 2012

Chão Rijo branco 2012

Arundel Great tinto 2008

Arundel tinto 2009

Moscatel de Setúbal Joaquim Arnaud 2011

Joaquim Arnaud com a equipa da EPAV – Escola de Hotelaria de Colares que preparou o jantar, incluindo o chef Bruno Gaspar

 

Ver também:

Al… quê? Alboroque!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:58

Al… quê? Alboroque!

por Raul Lufinha, em 15.07.14

Tomaz Vieira da Cruz e Joaquim Arnaud

Há vinhos assim – diferentes, difíceis, pouco consensuais… e magníficos!

Resultado de uma parceria entre Tomaz Vieira da Cruz e Joaquim Arnaud, é um lote de Arinto e Fernão Pires da colheita de 2012 do terroir da Terra Larga, em Salvaterra de Magos, estagiado sob um véu de leveduras de flôr que o protege, fazendo com que a oxidação lhe confira características únicas.

Alboroque branco aperitivo 2012

Vinho branco de aperitivo para beber bem fresco, inspira-se nos grandes aperitivos do sul da península ibérica…

… e chama-se “Alboroque” – o nome árabe dado ao copo de vinho ou à refeição que sela um contrato.

Sendo o companheiro ideal para queijos intensos, presunto curado, enchidos fortes…!

600 garrafas

É aproveitar enquanto há. São apenas 600 garrafas…

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:58


Partilha de experiências e emoções gastronómicas

Raul Lufinha

Facebook


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Agenda

FEVEREIRO
20-23 -ESSÊNCIA DO VINHO – PORTO Mais de 400 produtores e cerca de 4000 vinhos representados e em degustação, de Portugal e do mundo, bem como atividades paralelas que incluem provas temáticas, conversas sobre vinho, harmonizações e jantares vínicos

MARÇO
3 -PRÉMIOS ‘BOA CAMA BOA MESA’ Cerimónia de entrega dos prémios do guia Boa Cama Boa Mesa, do jornal Expresso
Até 14 -‘ACONCHEGO CARIOCA’ NO BAIRRO DO AVILLEZ Pop-up do restaurante de Kátia Barbosa, nas varandas do Bairro do Avillez
Até 15 -TEMPORADA DA LAMPREIA NO VARANDA DE LISBOA No restaurante panorâmico do Hotel Mundial, um menu especial dedicado à lampreia

MAIO
19-20 -SYMPOSIUM SANGUE NA GUELRA 2020 Virgilio Martínez, do CENTRAL, em Lima, no Peru, é o primeiro nome confirmado

JUNHO
2 -THE WORLD'S 50 BEST RESTAURANTS 2020

SETEMBRO
12-13 -CHEFS ON FIRE 2020 – FOOD, FIRE & MUSIC Um festival em que os chefs cozinham exclusivamente com fogo durante mais de 24h. Ao fire pit e outras estruturas inéditas junta-se um cartaz de concertos, num projeto de slow cooking que celebra as origens da cozinha, bem como a simplicidade de esperar e de deixar que o tempo e o fogo cuidem dos alimentos


Últimos comentários

  • Anónimo

    Obrigado pelo esclarecimento.

  • Raul Lufinha

    Também coloquei essa questão – o que me foi dito é...

  • Anónimo

    Numa altura em que tanto se fala de igualdade, é a...

  • Raul Lufinha

    Muito obrigado!!!

  • Anónimo

    BRAVO !!!!👏👏👏👏EXCELENTE TEXTO !!

  • Raul Lufinha

  • Anónimo

    Parabéns Chef JOAQUIM de Sousa , Excelente !!!❤️🇵🇹...

  • Raul Lufinha

    1. A categoria das três estrelas é a mais importan...

  • Anónimo

    De verdade que não entendo porque perdem tanto tem...

  • Raul Lufinha

    1. O que é grave é que o que a Michelin anunciou q...


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D