Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


O inebriante perfume da trufa branca

por Raul Lufinha, em 05.12.19

Chef Tanka Sapkota e a trufa branca de Alba

Chef Tanka Sapkota...

Chef Tanka Sapkota e a trufa branca de Alba

... e a trufa branca de Alba

Com o seu inebriante perfume, a trufa branca de Alba, no Piemonte, é a mais rara e exclusiva das iguarias italianas!

Sendo já uma tradição o COME PRIMA, restaurante italiano do Chef Tanka Sapkota, em Lisboa, dedicar-lhe uma temporada, com pratos únicos!

Este ano, decorre até 7 de dezembro – apenas ao jantar e mediante reserva.

Uova biologiche cotto 64 ºC

Uova biologiche cotto 64 ºC

Uova biologiche cotto 64 ºC

Uova biologiche cotto 64 ºC

Quinta dos Carvalhais Reserva Branco 2017

Quinta dos Carvalhais Reserva Dão Branco 2017

Tajarin al burro

Tajarin al burro

Tajarin al burro

Tajarin al burro

Quinta dos Carvalhais Reserva Tinto 2016

Quinta dos Carvalhais Reserva Dão Tinto 2016

Zabaglione

Zabaglione

Zabaglione

Zabaglione

Grappa

Grappa

COME PRIMA

COME PRIMA, nesta altura do ano com o perfume da trufa branca espalhado por toda a sala

 

Fotografias: Marta Felino e Raul Lufinha

 

Ver também:


COME PRIMA
Rua do Olival, 256, Lisboa, Portugal
Chef Tanka Sapkota

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:22

Trufa branca de Alba no COME PRIMA

por Raul Lufinha, em 11.12.18

Tanka Sapkota e as trufas brancas de Alba

Tanka Sapkota e as trufas brancas de Alba

Investido “Cavaleiro das Trufas de Alba e dos Vinhos da Região de Alba” no mês passado e a preparar a série documental “Tasty of Italy” (que irá estrear no verão de 2019 e cujo primeiro episódio foi gravado precisamente no Piemonte), Tanka Sapkota voltou este outono a celebrar no COME PRIMA as raras e preciosas trufas brancas de Alba, com um conjunto de pratos que estarão disponíveis até ao dia 12 de dezembro.

Tanka Sapkota e as trufas brancas de Alba

O inebriante perfume…

Tanka Sapkota e as trufas brancas de Alba

… das trufas brancas de Alba

Come Prima

Come Prima

Pão feito no COME PRIMA e cozido em forna a lenha, o sabor suave dos queijos Fontina e Ricotta… e trufa branca de Alba

Come Prima

Come Prima

Ovo biológico cozinhado a baixa temperatura e com a gema completamente líquida, flor de sal… e trufa branca de Alba

Come Prima

Come Prima

Massa fresca artesanal feita no COME PRIMA, manteiga dos Açores, um pouco de queijo Parmesão… e trufa branca de Alba

Pêra-Manca Branco 2016

Pêra-Manca Branco 2016

Come Prima

Come Prima

Vitela de leite levemente frita em manteiga e desfazer-se na boca… e trufa branca de Alba

Quinta dos Carvalhais Reserva Tinto 2012

Quinta dos Carvalhais Reserva Tinto 2012

Come Prima

Come Prima

Bolo de chocolate, zabaione… e trufa branca de Alba

Dona Antónia 10 Anos Porto Tawny

Dona Antónia 10 Anos Porto Tawny

Tanka Sapkota, “Cavaleiro das Trufas de Alba e dos Vinhos da Região de Alba”

Tanka Sapkota, “Cavaleiro das Trufas de Alba e dos Vinhos da Região de Alba”

 

Ver também:

 

COME PRIMA

Rua do Olival, 258, Lisboa, Portugal

Chef Tanka Sapkota

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:40

O novo restaurante de Tanka Sapkota… é um mercado italiano

por Raul Lufinha, em 27.01.17

Giuseppe Morabito, Embaixador de Itália em Portugal, na inauguração do IL MERCATO de Tanka Sapkota

Embaixador de Itália em Portugal Giuseppe Morabito e Embaixatriz, na inauguração do IL MERCATO de Tanka Sapkota

Tanka Sapkota é cada vez mais um embaixador da cozinha italiana em Lisboa.

Com efeito, a juntar ao COME PRIMA e ao FORNO D’ORO, acaba agora de abrir o IL MERCATO.

Cuja inauguração aliás – não por acaso – contou com a presença do próprio Embaixador de Itália no nosso país, Giuseppe Morabito, e da Embaixatriz.

Inspirado nos mercados italianos, o IL MERCATO é uma homenagem de Tanka Sapkota aos produtos do país que tanto admira.

De modo que, para além do restaurante propriamente dito, focado nos pratos tradicionais italianos e no vinho das várias regiões de Itália, tem também uma espécie de mercearia, onde podemos comprar produtos italianos para levar para casa, desde a massa fresca aos queijos, passando pelo pão e pelos enchidos… ou para serem cozinhados no restaurante!

O restaurante tem uma loja que recria os mercados italianos

O restaurante tem uma loja que recria os mercados italianos

Pasta fresca caseira, com ovos biológicos

Pasta fresca caseira, feita com ovos biológicos

Na mesa comunal, Tanka Sapkota e a mozzarella de búfala

Na mesa comunal, Tanka Sapkota e a mozzarella de búfala

Polenta

Polenta

O famoso ‘Salame [de] Felino’, localidade junto a Parma

O famoso ‘Salame [de] Felino’, localidade junto a Parma

 

IL MERCATO

Páteo Bagatela, Rua da Artilharia 1, 51, Lisboa, Portugal

Chef Tanka Sapkota

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:15

Trufa branca de Alba no COME PRIMA até 5 de novembro

por Raul Lufinha, em 25.10.16

Tanka Sapkota e o inebriante aroma da trufa branca de Alba

Tanka Sapkota e o inebriante perfume da trufa branca de Alba

Já abriu a temporada da trufa branca no COME PRIMA!

Pelo nono ano consecutivo, o restaurante italiano do chef Tanka Sapkota, em Lisboa, apresenta à carta um menu especial dedicado àquele que talvez seja o ingrediente mais apreciado na alta gastronomia – a rara e cara trufa branca da cidade de Alba, no Piemonte, em Itália.

Estando disponível desde hoje e até ao dia 5 de novembro.

Mas somente através de reserva prévia.

Trufa Branca de Alba

Trufa Branca de Alba

Para a temporada da trufa branca do COME PRIMA de 2016, um dos pratos de Tanka Sapkota é composto por dois singelos ovos biológicos, cozinhados a baixa temperatura.

Plenos de sabor, ganham depois uma dimensão absolutamente estratosférica com a junção do esfuziante aroma da trufa branca!

‘Uova biológiche cotto 64º’

‘Uova biológiche cotto 64º’

‘Uova biológiche cotto 64º’

‘Uova biológiche cotto 64º’

‘Uova biológiche cotto 64º’

Outra maravilha que sai da cozinha do COME PRIMA é o tajarin, pasta que – tal como a trufa branca – é uma especialidade do Piemonte!

E que aqui é servido com muita manteiga, cuja saborosa untuosidade liga na perfeição com o avassalador perfume da trufa branca!

‘Tajarin al Burro’

‘Tajarin al Burro’

‘Tajarin al Burro’

‘Tajarin al Burro’

‘Tajarin al Burro’

‘Tajarin al Burro’

Dois dos seis pratos com que Tanka Sapkota, mais uma vez, celebra no COME PRIMA, este ano até 5 de novembro, a rara e inebriante trufa branca de Alba!

 

COME PRIMA

Rua do Olival, 256, Lisboa, Portugal

Chef Tanka Sapkota

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:42

Tanka Sapkota junta Santola e Queijo de Serpa

por Raul Lufinha, em 16.02.16

Tanka Sapkota na cozinha do COME PRIMA

Tanka Sapkota na cozinha do COME PRIMA

Com o reforçar da aposta nos produtos portugueses e no mar…

… um dos novos pratos de Tanka Sapkota no COME PRIMA…

… junta santola e queijo de Serpa!

São uns delicados e generosos ravioli de santola…

… com queijo de cabra abafado da chamada Serra de Serpa!

Ravioli di Santola

'Ravioli di Santola'

Muito bom!

 

Ver também:

Chef Tanka, com gambas do Algarve e percebes das Berlengas

 

COME PRIMA | Rua do Olival, 258, Lisboa, Portugal | Chef Tanka Sapkota "Giovanni"

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:31

Chef Tanka, com gambas do Algarve e percebes das Berlengas

por Raul Lufinha, em 27.01.16

Tanka Sapkota

Tanka Sapkota na cozinha do COME PRIMA

Depois de abrir o FORNO D'ORO, com as melhores pizas de Lisboa…

… Tanka Sapkota reforça a aposta no COME PRIMA, o seu primeiro restaurante italiano, ao colocar em grande destaque…

… os produtos portugueses e o mar!

Tendo criado um delicioso e untuoso spaghetti nero…

… com gambas do Algarve, percebes das Berlengas, tomate cherry assado no forno...

... e muito limão!

Spaghetti nero con gambretti di Algarve e percebes di Berlengas

'Spaghetti nero con gamberetti di Algarve e percebes di Berlengas'

 

COME PRIMA | Rua do Olival, 258, Lisboa, Portugal | Chef Tanka Sapkota "Giovanni"

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:33

Domenico Martucci… e a Pizza de Trufa Negra

por Raul Lufinha, em 08.10.15

Tanka Sapkota e Domenico Martucci

Tanka Sapkota e Domenico Martucci

Um dos membros da comitiva italiana que veio a Lisboa atribuir a distinção ‘Vera Pizza Napoletana’ ao FORNO D’ORO de Tanka Sapkota…

… foi Domenico Martucci, ‘maestro pizzaiolo’ da PIZZERIA PER BACCO, no Piemonte, norte de Itália.

O qual trouxe uma agradável surpresa: trufas negras!

Domenico Martucci

Domenico Martucci

Domenico Martucci

Domenico Martucci

Pizza de Trufa Negra

Pizza de Trufa Negra

 

PIZZERIA PER BACCO | La Morra, Via Roma, 30, La Morra, Itália | Maestro Pizzaiolo Domenico Martucci

FORNO D’ORO | Rua Artilharia Um, 16, Lisboa, Portugal | Chef Tanka Sapkota

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:33

Pizza… frita

por Raul Lufinha, em 01.10.15

Pizza... frita

Pizza frita

A pedido de várias famílias…

… aqui fica um registo da magnífica pizza frita servida no FORNO D'ORO aquando da atribuição da certificação ‘Vera Pizza Napoletana’ pela Associazione Verace Pizza Napoletana.

Leve e estaladiça…

… à massa da pizza, ainda quente e acabada de fritar…

… era junto presunto de Parma…

… e mozzarella de búfala.

Ou seja, uma tosta mista…

… mas para muito melhor!!!

 

FORNO D’ORO | Rua Artilharia Um, 16, Lisboa, Portugal | Chef Tanka Sapkota 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:59

FORNO D'ORO, ‘Vera Pizza Napoletana’

por Raul Lufinha, em 29.09.15

 Tanka Sapkota

O FORNO D'ORO, de Tanka Sapkota…

 Tanka Sapkota

… foi distinguido com a certificação ‘Vera Pizza Napoletana’…

Associazione Verace Pizza Napoletana

… emitida pela Associazione Verace Pizza Napoletana…

Associazione Verace Pizza Napoletana

… e que é a mais alta distinção atribuída no universo das pizzas!

 

Ver também:

O cintilante FORNO D’ORO da nova pizzaria de Tanka Sapkota

 

FORNO D’ORO | Rua Artilharia Um, 16, Lisboa, Portugal | Chef Tanka Sapkota

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:58

Como comer uma pizza… sem a deixar arrefecer

por Raul Lufinha, em 18.02.15

Tanka Sapkota

Tanka Sapkota no FORNO D’ORO

Para ser devidamente apreciada, uma pizza tem que ser comida quente.

Muitas vezes, porém, ainda não chegámos a meio e ela já está fria!

Pelo que o segredo para comer uma pizza sempre quente é…

… cortar longas tiras de pizza, preferencialmente do centro até à borda...

... e depois enrolá-las, com os talheres ou à mão.

Ou seja, fazer – e comer – rolinhos de pizza!

 

FORNO D’ORO | Rua Artilharia Um, 16, Lisboa, Portugal | Chef Tanka Sapkota

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01


Partilha de experiências e emoções gastronómicas

Raul Lufinha

Facebook


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Últimos comentários



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D