Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Pôpa Fiction, 3 vinhos de coleção

por Raul Lufinha, em 10.11.15

Vanessa e Stéphane Ferreira

Os irmãos Vanessa e Stéphane Ferreira

Projeto de Stéphane e Vanessa Ferreira que junta os universos da arte e do vinho, o Pôpa Art Projects é inaugurado com a trilogia Pôpa Fiction, que evoca o imaginário da literatura de cordel.

Edição limitada e de coleção, são três vinhos DOC Douro da colheita de 2012 – Hot Lips, In The Flesh e The Grape Escape – apresentados em garrafas de um litro (!) cujos rótulos e demais merchandising foram criados pelo ilustrador Mário Belém.

Hot Lips tinto 2012

Hot Lips tinto 2012

In The Flesh tinto 2012

In The Flesh tinto 2012

The Grape Escape tinto 2012

The Grape Escape tinto 2012

Ricardo Henriques, Luís Mileu, Vanessa Ferreira, Stéphane Ferreira, Mário Belém

Ricardo Henriques, Luís Mileu, Vanessa Ferreira, Stéphane Ferreira, Mário Belém

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:07

Stéphane ‘Pôpa’ com Sangue na Guelra

por Raul Lufinha, em 26.04.14

Stéphane Ferreira e o Pôpa Doce 2011

Para acompanhar as duas sobremesas do chef Francisco Gomes no Sangue na Guelra – a Sopa do Dia e o chocolate – foi escolhido o Pôpa Doce, um vinho tinto doce com baixo teor alcoólico (10%) produzido no Douro a partir de uvas colhidas na Quinta do Pôpa através de um blend de 21 castas provenientes de vinhas com mais de 60 anos de história que não chegam a serem atingidas pela botrytis, processo que ocorre nas uvas quando dão origem aos vinhos de colheita tardia.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:22

Stéphane ‘Pôpa’, com a Lolita e a Milf

por Raul Lufinha, em 18.02.14

Stéphane Ferreira

Descrever os vinhos… com características humanas.

Para quem acha que a linguagem vínica é redonda e imperceptível, a Quinta do Pôpa resolveu lançar dois vinhos tintos que são descritos com características humanas – a filha Lolita e a sua mãe Milf.

E cujos rótulos, reforçando o carácter inovador e original do projecto, foram desenhados pelo conhecido ilustrador e pop artist McBess.

Oriundos do Douro e disponibilizados numa edição limitada de 2500 garrafas de 750 ml e 50 magnum vendidas num pack conjunto, ou seja, sem separar a mãe da filha, a Lolita & a Milf são dois vinhos de qualidade superior da colheita de 2011 produzidos a partir de castas autóctones como Touriga Nacional, Tinta Roriz, Touriga Franca, Tinta Barroca e Tinto Cão, parte delas provenientes de vinhas velhas.

... neto do Pôpa

Mais nova, a filha Lolita é jovem, fresca, explosiva, easygoing.

Lolita

Já a mãe Milf, com outra idade, é mais madura e complexa, possuindo uma sabedoria que só a experiência permite.

Milf

Dois vinhos em que – para melhor se apreenderem as características que os descrevem – cada um deles deve ser apreciado... por contraponto ao outro!

 

Fotografias: Marta Felino / Flash Food 

Quinta do Pôpa | Estrada Nacional 222, Adorigo, Tabuaço, Douro, Portugal

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:25


Partilha de experiências e emoções gastronómicas

Raul Lufinha

Facebook


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Agenda

FEVEREIRO
20-23 -ESSÊNCIA DO VINHO – PORTO Mais de 400 produtores e cerca de 4000 vinhos representados e em degustação, de Portugal e do mundo, bem como atividades paralelas que incluem provas temáticas, conversas sobre vinho, harmonizações e jantares vínicos

MARÇO
3 -PRÉMIOS ‘BOA CAMA BOA MESA’ Cerimónia de entrega dos prémios do guia Boa Cama Boa Mesa, do jornal Expresso
Até 14 -‘ACONCHEGO CARIOCA’ NO BAIRRO DO AVILLEZ Pop-up do restaurante de Kátia Barbosa, nas varandas do Bairro do Avillez
Até 15 -TEMPORADA DA LAMPREIA NO VARANDA DE LISBOA No restaurante panorâmico do Hotel Mundial, um menu especial dedicado à lampreia

MAIO
19-20 -SYMPOSIUM SANGUE NA GUELRA 2020 Virgilio Martínez, do CENTRAL, em Lima, no Peru, é o primeiro nome confirmado

JUNHO
2 -THE WORLD'S 50 BEST RESTAURANTS 2020

SETEMBRO
12-13 -CHEFS ON FIRE 2020 – FOOD, FIRE & MUSIC Um festival em que os chefs cozinham exclusivamente com fogo durante mais de 24h. Ao fire pit e outras estruturas inéditas junta-se um cartaz de concertos, num projeto de slow cooking que celebra as origens da cozinha, bem como a simplicidade de esperar e de deixar que o tempo e o fogo cuidem dos alimentos


Últimos comentários

  • Anónimo

    Obrigado pelo esclarecimento.

  • Raul Lufinha

    Também coloquei essa questão – o que me foi dito é...

  • Anónimo

    Numa altura em que tanto se fala de igualdade, é a...

  • Raul Lufinha

    Muito obrigado!!!

  • Anónimo

    BRAVO !!!!👏👏👏👏EXCELENTE TEXTO !!

  • Raul Lufinha

  • Anónimo

    Parabéns Chef JOAQUIM de Sousa , Excelente !!!❤️🇵🇹...

  • Raul Lufinha

    1. A categoria das três estrelas é a mais importan...

  • Anónimo

    De verdade que não entendo porque perdem tanto tem...

  • Raul Lufinha

    1. O que é grave é que o que a Michelin anunciou q...


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D