Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Fernando Cardoso, Chefe Cozinheiro do Ano 2018

por Raul Lufinha, em 29.06.18

Fernando Cardoso

Fernando Cardoso, CCA 2018

Fernando Cardoso, da equipa de cozinha de João Rodrigues, no FEITORIA, do Altis Belém Hotel & Spa, em Lisboa, foi o vencedor do concurso Chefe Cozinheiro do Ano de 2018.

Já na sua 29.ª edição, esta é a mais antiga e relevante prova de cozinha para profissionais em Portugal.

Sendo uma competição que permite mudar a vida de quem a ganha.

Basta ver que ao longo destas quase três décadas foram Chefe Cozinheiro do Ano nomes como Fausto Airoldi (1990), Henrique Mouro (2001), Vítor Matos (2003), Henrique Sá Pessoa (2005), João Rodrigues (2007), Tiago Bonito (2011) ou Louis Anjos (2012) – o ano passado a vitória sorriu a Luís Gaspar, de quem, após a abertura do CASA LISBOA, se esperam para breve notícias sobre a nova SALA DE CORTE.

Quanto ao menu, Fernando Cardoso apresentou, na Final Nacional, açorda de ovos, coentros e cebolas em curtume (entrada); ervilhas, bivalves e pregado (peixe); borrego, queijo de Seia e batatas assadas (carne); sonhos de abóbora (sobremesa que lhe permitiu igualmente arrecadar o prémio Helmut Ziebell, para o prato mais criativo); e ainda caldeirada de cherne (prato tradicional em tacho/forno).

O 2º lugar foi para Carlos Gonçalves, chefe do Corinthia Hotel Lisbon.

E na 3.ª posição ficou Jorge Fernandes, do Hotel Iberostar Lisboa.

Os restantes finalistas foram Pedro Pinto, do Vila Vita Parc, em Porches; Tony Martins, do Douro Palace Hotel Resort & Spa, em Baião; e Vítor Adão, do 100 MANEIRAS.

Sinal do relevo do concurso é também a composição do júri: Alexandre Silva (LOCO), António Bóia (JNcQUOI), Leonel Pereira (SÃO GABRIEL), Pedro Lemos (restaurante PEDRO LEMOS) e Ricardo Costa (THE YEATMAN), bem como Orlando Esteves, que integrou o júri honorário.

Para o próximo ano serão os 30 anos do CCA – um marco histórico.

Mas entretanto, e como já vem sendo tradição, ficamos na expectativa de que também o Altis Belém encontre uma forma de servir (e celebrar) o menu vencedor – o ano passado correu muito bem.Carlos Gonçalves (2.º), Fernando Cardoso (1.º), Jorge Fernandes (3.º)

Carlos Gonçalves (2.º), Fernando Cardoso (1.º), Jorge Fernandes (3.º)

Paulo Amado, diretor do concurso Chefe Cozinheiro do Ano

Paulo Amado, diretor do concurso Chefe Cozinheiro do Ano

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:13

Luís Gaspar recria na SALA DE CORTE... o menu da vitória no concurso Chefe Cozinheiro do Ano 2017

por Raul Lufinha, em 27.07.17

Luís Gaspar, Chefe Cozinheiro do Ano 2017

Luís Gaspar, Chefe Cozinheiro do Ano 2017

Para celebrar a vitória no concurso Chefe Cozinheiro do Ano de 2017 e dar a conhecer ao público as criações vencedoras, Luís Gaspar recriou na SALA DE CORTE, ao almoço e ao jantar do dia 25 de julho, o menu completo de quatro pratos que apresentou na final nacional da mais importante prova de cozinha para profissionais em Portugal.

Que desde há mais de 25 anos já premiou chefes como Fausto Airoldi (1990), Henrique Mouro (2001), Vítor Matos (2003), Luís Américo (2004), Henrique Sá Pessoa (2005), João Rodrigues (2007), Igor Martinho (2009), Tiago Bonito (2011), Louis Anjos (2012), André Silva (2013), António Loureiro (2014), João Viegas (2015) e Rui Martins (2016).

E cujo júri este ano era composto pelos chefes Nuno Mendes (CHILTERN FIREHOUSE e TABERNA DO MERCADO, Londres), André Silva (PORTA, Bragança), André Magalhães (A TABERNA DA RUA DAS FLORES, Lisboa), João Rodrigues (FEITORIA, Lisboa), José Avillez (BELCANTO, Lisboa) e Nuno Diniz, bem como pelos mestres Helmut Ziebell e Orlando Esteves.

 

SALA DE CORTE

Menu único

Tendo sido um dia diferente na SALA DE CORTE.

Ao almoço e ao jantar, só foi servido o menu de degustação de quatro pratos que valeu a Luís Gaspar o título de Chefe Cozinheiro do Ano de 2017.

 

SALA DE CORTE

Ao balcão

E quem escolheu um lugar ao balcão teve a vantagem de poder assistir ao vivo ao modo como a equipa de cozinha da SALA DE CORTE, liderada por Luís Gaspar, preparou o menu do Chefe Cozinheiro do Ano.

 

1 – Entrada

Sopa da Pedra

Sopa da Pedra

De grande impacto visual, era uma sopa não totalmente líquida, mas ainda assim, para comer à colher!

De um lado, batata – uma espuma de batata e as apuradas carnes da Sopa da Pedra.

Do outro lado, feijão – uma emulsão de feijão encarnado com coentros.

No centro, um delicioso pastel de massa tenra, acabado de fritar e recheado com as saborosas carnes da Sopa, que tinha no topo um crocante de pão ribatejano com gel de coentros e pasta de farinheira.

Uma excelente sopa!

E com uma intensidade tal de sabores e com uma textura tão marcante... que, ao contrário das sopas habituais, até pede vinho!

 

2 – Prato de Peixe

Caldeirada de Bacalhau Salgado Seco da Noruega

Caldeirada de Bacalhau Salgado Seco da Noruega

Caldeirada de Bacalhau Salgado Seco da Noruega

O regulamento do concurso impunha o bacalhau salgado seco da Noruega como produto obrigatório do prato de peixe.

E Luís Gaspar apresentou-o confitado e a lascar.

Juntando-lhe depois o saboroso molho da caldeirada, mas com a frescura do gengibre e da erva-príncipe!

Bem como um intenso e maravilhoso puré de pimentos assados!

Destaque ainda para um pequeno e esférico pastel de bacalhau com batata-doce.

Para o pickle de cebola.

E para o crocante de algas, que dava uma maior profundidade… de sabor a mar!

 

3 – Prato de Carne

Vitela, Mão de Vaca e Grão

Vitela, Mão de Vaca e Grão

Vitela, Mão de Vaca e Grão

Vitela, Mão de Vaca e Grão

Sabores ainda mais fortes no prato de carne!

Numa das faces do entrecôte de vitela minhota, uma crosta de cogumelos shitake e pistácios.

Tendo depois a vitela tido por companhia um bem puxado estufado de mão de vaca com grão!

E ainda um puré de grão.

Bem como mini legumes glaceados!

Um grande momento de Luís Gaspar!

 

4 – Sobremesa

Brisa do Lis de Amêndoa e Limão

Brisa do Lis de Amêndoa e Limão

Brisa do Lis de Amêndoa e Limão

É, desde logo, uma sentida homenagem de Luís Gaspar ao doce típico de Leiria, sua cidade natal, feito à base de gemas de ovo, açúcar e amêndoa.

Tendo sido também o prato que motivou a atribuição ao chefe da SALA DE CORTE do Prémio Helmut Ziebell, pela criação que mais se distinguiu no concurso de 2017 em termos de criatividade e inovação.

Com efeito, a Brisa do Lis, aqui envolta numa cápsula de açúcar, é apenas o pretexto e o ponto de partida para uma excelente sobremesa.

Que se apresentava plena de sabores cítricos e em que o limão – produto obrigatório – se destacava especialmente no gelado, que também tinha tomilho-limão, e nos biscuits sablés.

Sendo uma sobremesa que – contou Luís Gaspar – vai entrar para a carta da SALA DE CORTE!

E que vale a pena ir conhecer!

 

IMG_0692.JPG

No final do jantar, Luís Gaspar assinou o menu da vitória

 

Muitos parabéns, Luís Gaspar!

Ficamos à espera dos próximos passos do Chefe Cozinheiro do Ano de 2017!

 

Ver também:

 

Fotografias: Marta Felino e Raul Lufinha

 

SALA DE CORTE

Rua da Ribeira Nova, 28, Cais do Sodré, Lisboa, Portugal

Chefe Luís Gaspar

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:28

João Viegas, Chefe Cozinheiro do Ano 2015

por Raul Lufinha, em 23.11.15

João Viegas

João Viegas no SÃO GABRIEL

João Viegas, sub-chef de Leonel Pereira no SÃO GABRIEL…

… é o Chefe Cozinheiro do Ano 2015.

Tendo como prémio principal...

... o estágio de um mês no CENTRAL, restaurante de Virgilio Martínez em Lima, no Perú, classificado em 4.º lugar na lista dos 50 Best de 2015.

Muitos parabéns João Viegas!

Fotografia: Marta Felino

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:04

João Viegas vence etapa Sul e Ilhas do CCA 2015

por Raul Lufinha, em 11.03.15

João Viegas

João Viegas

João Viegas, da equipa de Leonel Pereira no SÃO GABRIEL, foi o grande vencedor da etapa regional Sul e Ilhas do concurso Chefe Cozinheiro do Ano 2015…

… cuja final nacional irá decorrer no próximo mês de Novembro.

Parabéns João Viegas!

E boa sorte!

... no terraço do SÃO GABRIEL...

... no Verão de 2014, em pleno terraço do SÃO GABRIEL...

... queimando alfazema

… com um maçarico, queimando alfazema, poejo, tomilho e alecrim… e aromatizando uma tenríssima e suculenta carne de novilho Black Angus maturada

 

Fotografias: Marta Felino

SÃO GABRIEL | Estrada Vale do Lobo, Quinta do Lago, Portugal | Chef Leonel Pereira

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:20

Dois Chefes Cozinheiro do Ano… e a directora da revista Comer

por Raul Lufinha, em 19.05.14

Louis Anjos, Rita Cupido, Tiago Bonito

É sempre especial o reencontro entre vencedores do Concurso Chefe Cozinheiro do Ano (CCA) – organizado pelas Edições do Gosto, é a maior competição de cozinha para profissionais que se realiza anualmente em Portugal e já vai na vigésima quinta edição.

Desta vez foram os CCA 2011 e 2012 que cozinharam juntos, Tiago Bonito e Louis Anjos…

…tendo o momento sido ainda mais marcante pela presença de Rita Cupido, das Edições do Gosto e directora da revista Comer.

 

Restaurante B&G | Vilalara Thalassa Resort, Praia das Gaivotas, Alporchinhos, Algarve, Portugal | Chef Tiago Bonito

MORGADINHO | Suites Alba Resort & Spa, Praia de Albandeira, Lagoa, Algarve, Portugal | Chef Louis Anjos

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:06

Louis Anjos: “Do bosque, o arroz doce e a alfarroba”

por Raul Lufinha, em 07.12.12

 "Do bosque, o arroz doce e a alfarroba"

 

A sobremesa do menu com o qual o Chefe Cozinheiro do Ano 2012 Louis Anjos venceu em Maio a etapa regional Sul/Ilhas era “Do bosque, o arroz doce e a alfarroba”.

 

Fotografia: Chefe Cozinheiro do Ano

 

Suites Alba Resort & Spa | Praia de Albandeira, Carvoeiro, Portugal | Chef Louis Anjos

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:36

Louis Anjos: “O pombo, os miúdos e a salsify”

por Raul Lufinha, em 06.12.12

"O pombo, os miúdos e a salsify"

 

O prato principal do menu com o qual o Chefe Cozinheiro do Ano 2012 Louis Anjos venceu em Maio a etapa regional Sul/Ilhas era “O pombo, os miúdos e a salsify”.

 

Fotografia: Chefe Cozinheiro do Ano

 

Suites Alba Resort & Spa | Praia de Albandeira, Carvoeiro, Portugal | Chef Louis Anjos

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:18

Louis Anjos: “O choco, a cavala e a sapateira”

por Raul Lufinha, em 05.12.12

"O choco, a cavala e a sapateira"

 

A entrada do menu com o qual o Chefe Cozinheiro do Ano 2012 Louis Anjos venceu em Maio a etapa regional Sul/Ilhas era “O choco, a cavala e a sapateira”.

 

Fotografia: Chefe Cozinheiro do Ano

 

Suites Alba Resort & Spa | Praia de Albandeira, Carvoeiro, Portugal | Chef Louis Anjos

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:14

Louis Anjos é o Chefe Cozinheiro do Ano 2012

por Raul Lufinha, em 30.11.12

Fotografia: Edições do Gosto

 

Louis Anjos é o Chefe Cozinheiro do Ano 2012, tendo vencido o maior concurso nacional de cozinha para profissionais, destinado a cozinheiros residentes em Portugal com mais de cinco anos de experiência profissional comprovada.

 

Chefe executivo do Suites Alba Resort & Spa – hotel de charme na falésia algarvia, sobre a praia de Albandeira e próximo da vila do Carvoeiro, propriedade do antigo capitão da selecção portuguesa de futebol Luís Figo – Louis Anjos repetiu na final nacional a vitória obtida na etapa regional Sul/Ilhas.

 

Como prémio, receberá um estágio de um mês, com estadia incluída, no VIAJANTE – restaurante do chef português Nuno Mendes, em Londres, com 1 * Michelin 2013 pelo terceiro ano consecutivo e considerado o 80.º melhor do mundo em 2012 pelo júri da revista Restaurant.

 

Suites Alba Resort & Spa | Praia de Albandeira, Carvoeiro, Portugal | Chef Louis Anjos

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:14

E o vencedor do concurso Chefe Cozinheiro do Ano 2012 é...

por Raul Lufinha, em 29.11.12

Em cima: António Ricardo Jones, Artur Gomes, David Costa, João Ameixa

Em baixo: Jorge Sousa, Louis Anjos, Paulo Carvalho, Rui Martins

 

Os oito finalistas são:

  • António Ricardo Jones, Restaurante Olive Oil Gourmet;
  • Artur Gomes, Restaurante Casa da Música;
  • David Costa, Restaurante Assinatura;
  • João Ameixa, Hotel Cascade Resort;
  • Jorge Sousa, Hotel Tiara Park Atlantic Porto;
  • Louis Anjos, Suites Alba Resort;
  • Paulo Carvalho, Restaurante Tavares;
  • Rui Martins, Restaurante Quinta del Rei.

Fotografias: Edições do Gosto

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:06


Partilha de experiências e emoções gastronómicas

Raul Lufinha

Facebook


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Agenda

14/12 FÄVIKEN último serviço
14/11 EGOÍSTA Infante D. Henrique, Plano Conquista Ceuta
26/9 EGOÍSTA Abade de Priscos, Jantar Rei D. Luís
8, 9 e 10/6 Alvarinho Wine Fest
6/6 EGOÍSTA Eça de Queirós, Jantar Hotel Central, Os Maias
1/6 Brut Experience
30/5 a 2/6 Regata de Portugal
27 e 28/5 Sangue na Guelra
25/5 ALENTEJO MARMÒRIS Pedro Mendes + Duarte Eira SALPOENTE
25/5 Casa Relvas Um dia em São Miguel
23/5 a 9/6 Rota de Tapas


Últimos comentários



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D