Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A crescente tendência dos cocktails não-alcoólicos

por Raul Lufinha, em 06.10.19

Bartender Tito Carona, Brand Ambassador da Pernod Ricard PortugalBartender Tito Carona, Brand Ambassador da Pernod Ricard Portugal

 

Continua a crescer a tendência – ou a moda – dos cocktails não-alcoólicos.

Não-alcoólicos, mas cocktails mesmo!

Cocktails à séria!

Não aqueles insípidos suminhos sem álcool – não!

Cocktails bons – intensos e com alma!

De tal forma que agora, no lançamento da Lisboa & Porto Cocktail Week, após o cocktail de autor apresentado pela bartender anfitriã – que, naturalmente e sem surpresa, tinha álcool – foi o próprio embaixador da Pernod Ricard a apresentar um cocktail… não-alcoólico!

Ou seja, atualmente é já a própria indústria que, indo ainda mais longe do que o propalado consumo moderado e responsável, assume inclusivamente a bandeira do ‘alcohol-free’ e propõe cocktails não-alcoólicos!

Embora, claro, não haja almoços grátis!

Para fazer grandes cocktails que não precisem de álcool é necessária muita arte e engenho – sem álcool, nem tudo funciona!

Mas não só!

São também precisas… as extraordinárias bebidas não-alcoólicas que a indústria começa cada vez mais a produzir – e a vender!

Como a não-vodka.

Ou os not-rums.

Ou como o gin destilado com zero por cento de álcool – o Ceder’s – cuja especiada variedade ‘Wild’ Tito Carona utilizou neste seu sedutor cocktail abstémio.

Pelo que esta renovada tendência, suportada também pelas lógicas do consumo saudável e vista ainda como um nicho premium, vai fazendo lentamente o seu caminho.

Por exemplo, na referida celebração do cocktail que começa no dia 11, o “momento 2 por 1” apenas facultativamente inclui um cocktail não-alcoólico.

Mas será só uma questão de tempo até que, como já sucede em Londres ou Nova Iorque, seja dado o passo seguinte… e surjam bares de prestígio exclusivamente ‘alcohol-free’!

Ceder’s Wild (Alt-gin), amora, framboesa, coentros, sumo de limão, xarope de açúcar e soda – um cocktail não-alcoólicoCeder’s Wild (Alt-gin), amora, framboesa, coentros, sumo de limão, xarope de açúcar e soda – um cocktail não-alcoólico assinado por Tito Carona

 

Ver também:

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:12



Partilha de experiências e emoções gastronómicas

Raul Lufinha

Facebook


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Agenda

DEZEMBRO
14 -OKAH ROOFTOP Wine, Music & Travel, evento vínico de prova e compra de vinhos dos quatro cantos do país, ao som de Folkways Project e DJ Nino Vargas. Entrada Solidária: 1 kg de alimentos não perecíveis para doar à Casa de Santo António, IPSS que apoia grávidas adolescentes e mães jovens
14 -FÄVIKEN Último serviço do restaurante do chef Magnus Nilsson, 600 km a norte de Estocolmo
Até 14 -HERDADE DO ESPORÃO Programa da Campanha da Azeitona 2019: visita guiada ao lagar em funcionamento com prova de azeite acabado de extrair da bica, petiscos no enoturismo e prova técnica de azeite novo

2020

JANEIRO
20 -MESA MARCADA Cerimónia de divulgação e entrega de prémios dos 10 Restaurantes e 10 Chefes Preferidos de 2019 do blog Mesa Marcada, de Duarte Calvão e Miguel Pires

MAIO
19-20 -SYMPOSIUM SANGUE NA GUELRA 2020 Virgilio Martínez, do CENTRAL, em Lima, no Peru, é o primeiro nome confirmado

JUNHO
2 -THE WORLD'S 50 BEST RESTAURANTS 2020

SETEMBRO
12-13 -CHEFS ON FIRE 2020 – FOOD, FIRE & MUSIC Um festival em que os chefs cozinham exclusivamente com fogo durante mais de 24h. Ao fire pit e outras estruturas inéditas junta-se um cartaz de concertos, num projeto de slow cooking que celebra as origens da cozinha, bem como a simplicidade de esperar e de deixar que o tempo e o fogo cuidem dos alimentos


Últimos comentários

  • Raul Lufinha

    1. A categoria das três estrelas é a mais importan...

  • Anónimo

    De verdade que não entendo porque perdem tanto tem...

  • Raul Lufinha

    1. O que é grave é que o que a Michelin anunciou q...

  • Anónimo

    Salvo o devido respeito, no global não creio que t...

  • Raul Lufinha

    E no EL PAÍS Rosa Rivas vai pelo mesmo caminho, fa...

  • Raul Lufinha

    Não, não há o prometido crescimento em 2020 – é um...

  • Anónimo

    Face à notícia largamente antecipada do fecho do r...

  • Raul Lufinha

    1 - A Michelin é uma empresa privada, faz os guias...

  • Anónimo

    Esperemos então que o guia passe a ser apenas de E...

  • Raul Lufinha



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D