Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Nespresso Gourmet Weeks em 8 restaurantes Michelin

por Raul Lufinha, em 12.04.17

Os chefs anfitriões da 3.ª edição das Nespresso Gourmet Weeks: Luís Pestana (WILLIAM), Henrique Sá Pessoa (ALMA), Rui Paula (CASA DE CHÁ DA BOA NOVA), Ricardo Costa (THE YEATMAN), Henrique Leis (HENRIQUE LEIS), João Rodrigues (FEITORIA) e Pedro Lemos (PEDRO LEMOS), bem como Vítor Matos (ANTIQVVM) apesar de ausente da apresentação oficial

Os chefs anfitriões: Luís Pestana (WILLIAM), Henrique Sá Pessoa (ALMA), Rui Paula (CASA DE CHÁ DA BOA NOVA), Ricardo Costa (THE YEATMAN), Henrique Leis (HENRIQUE LEIS), João Rodrigues (FEITORIA) e Pedro Lemos (PEDRO LEMOS), bem como Vítor Matos (ANTIQVVM) apesar de ausente da apresentação oficial

 

Estão de volta as Nespresso Gourmet Weeks.

E desta vez em oito restaurantes distinguidos pelo guia Michelin.

Cujos jantares, a várias mãos, são abertos ao público.

E começam já no dia 19 de abril, num roteiro gastronómico que se prolonga até 14 de maio.

Mais pormenores e reservas aqui.

 

3.ª edição Nespresso Gourmet WeeksCalendário da 3.ª edição das Nespresso Gourmet Weeks

 

 

Jantar de apresentação da 3.ª edição das Nespresso Gourmet Weeks, Forte de São Julião da Barra:

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:11

Parabéns aos distinguidos pelo Guia Michelin 2017

por Raul Lufinha, em 24.11.16

Guia Michelin 2017

 

Para 2017, o Guia Michelin atribuiu aos restaurantes portugueses as seguintes distinções:

Duas Estrelas

BELCANTO (José Avillez)

IL GALLO D’ORO (Benoît Sinthon) NOVO 2**

OCEAN (Hans Neuner)

THE YEATMAN (Ricardo Costa) NOVO 2**

Ricardo Costa

Ricardo Costa

VILA JOYA (Dieter Koschina)

 

Uma Estrela

ALMA (Henrique Sá Pessoa) NOVO 1*

Henrique Sá Pessoa

Henrique Sá Pessoa

ANTIQVVM (Vítor Matos) NOVO 1*

BON BON (Rui Silvestre)

CASA DE CHÁ DA BOA NOVA (Rui Paula) NOVO 1*

Rui Paula

Rui Paula

ELEVEN (Joachim Koerper)

FEITORIA (João Rodrigues)

FORTALEZA DO GUINCHO (Miguel Rocha Vieira)

HENRIQUE LEIS (Henrique Leis)

LAB by Sergi Arola (Sergi Arola) NOVO 1*

Sergi Arola

Sergi Arola

L’AND (Miguel Laffan) NOVO 1*

Miguel Laffan

Miguel Laffan

LARGO DO PAÇO (André Silva)

LOCO (Alexandre Silva) NOVO 1*

Alexandre Silva

Alexandre Silva

PEDRO LEMOS (Pedro Lemos)

SÃO GABRIEL (Leonel Pereira)

WILLIAM (Joachim Koerper) NOVO 1*

WILLIE’S (Willie Wurger)

 

Na parte espanhola do guia, a maior novidade foi a terceira estrela atribuída ao LASARTE, restaurante em Barcelona sob a direção de Martín Berasategui que tem como Head Chef o italiano Paolo Casagrande.

Paolo Casagrande

Paolo Casagrande

  

Muitos parabéns a todos!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:23

Nespresso Gourmet Weeks, 2.ª edição

por Raul Lufinha, em 22.04.16

Tiago Bonito, João Rodrigues, Henrique Sá Pessoa, André Silva, Ricardo Costa

Tiago Bonito, João Rodrigues, Henrique Sá Pessoa, André Silva, Ricardo Costa

Depois do sucesso da primeira edição...

... que passou nomeadamente pelo FEITORIARIVER LOUNGE...

... estão de volta os menus com muito café…

… das Nespresso Gourmet Weeks!

E desta vez, a partir de 29 de abril, serão 8 os chefes anfitriões:

André Silva, LARGO DO PAÇO

Henrique Sá Pessoa, ALMA

Heinz Beck, GUSTO

Ricardo Costa, THE YEATMAN

Tiago Bonito, LISBOETA

Henrique Leis, HENRIQUE LEIS

Vítor Matos, ANTIQVVM

João Rodrigues, FEITORIA

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:42

Regresso à varanda de Henrique Leis

por Raul Lufinha, em 27.08.15

Varanda... do restaurante HENRIQUE LEIS

Verão de 2015, na varanda do restaurante HENRIQUE LEIS

No regresso à varanda de Henrique Leis

… uma aventura à carta...

... pela cozinha do chef brasileiro.

Inclui o clássico... macaron de beterraba!

Amuse-bouche

"Três Ravioles"

'Gambas, Velouté de Foie Gas e Três Ravioles: Trufa, Lagostim e Foie Gras'

Linguado

'Canudo de Linguado em Duas Cozeduras'

O sorbet é de verbena!

Pré-sobremesa

Henrique Leis também é pintor!

'Crepe de Banana com Canela, Ananás Confitado'

O chocolate nunca é demais!

'Extravagância de Chocolates'

As telhas são viciantes!

Mignardises

Tendo sido o reencontro…

… com os sabores de sempre de Henrique Leis!

E com os seus jogos de cores...

... e de geometrias!

Fotografias: Marta Felino

HENRIQUE LEIS | Vale Formoso, Almancil, Portugal | Chef Henrique Leis

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:18

HENRIQUE LEIS: (XI) 20 anos de consistência na qualidade e elegância

por Raul Lufinha, em 19.10.13

Henrique Leis

Com o seu restaurante homónimo aberto no Algarve em 1993 e distinguido com uma estrela Michelin desde o ano 2000, o chef brasileiro Henrique Leis pratica uma cozinha que é um exemplo de consistência na qualidade, no rigor e na elegância.

Parabéns pelos 20 anos! E que venham outros tantos!

 

HENRIQUE LEIS, fim de Agosto 2013:

  1. A casa
  2. Melão & Melancia
  3. Macaron de beterraba… com mousse de foie gras
  4. Ovo & Caviar
  5. Lagosta
  6. Pintada & Foie Gras
  7. O elogio dos rosés com madeira
  8. «Obrigado, mas agora não me apetece um ovo cozido!»
  9. Muito mais do que um crepe de banana
  10. Mignardises
  11. 20 anos de consistência na qualidade e elegância

 

(fim)

Fotografia: Marta Felino / Flash Food

HENRIQUE LEIS | Vale Formoso, Almancil, Portugal | Chef Henrique Leis

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01

HENRIQUE LEIS: (X) Mignardises

por Raul Lufinha, em 18.10.13

Telhas…

Para terminar, chegaram as mignardises…

Três telhas diferentes – de beterraba com sementes de sésamo preto; de pistácio com noz; e de chocolate com amêndoa.

… Suspiros e Trufas

Bem como suspiros com creme de limão.

E ainda trufas de chocolate.

(continua)

Fotografias: Marta Felino / Flash Food

HENRIQUE LEIS | Vale Formoso, Almancil, Portugal | Chef Henrique Leis

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:06

HENRIQUE LEIS: (IX) Muito mais do que um crepe de banana

por Raul Lufinha, em 18.10.13

"Crepe de banana com ananás e maracujá"

As sobremesas atingem sempre um nível muito elevado no restaurante de Henrique Leis – o chef domina não apenas a alta cozinha mas também a mais fina pastelaria.

Aliás, não foi em vão que Henrique Leis trabalhou com Gaston Lenôtre, o lendário chef pasteleiro francês que nos anos 1960 criou o Bolo Ópera. E que depois ficou conhecido por ter introduzido os frutos exóticos e tropicais na pastelaria francesa – por exemplo, o kiwi, a manga ou o maracujá.

Ora, nesta sobremesa temos precisamente… uma especialidade de origem francesa – o crepe… e frutos tropicais – a banana, o ananás e o maracujá.

Com a circunstância adicional e incomum de aquele que parecia ser o elemento principal da sobremesa – o delicioso crepe de banana – não estar no centro do prato. Surgindo antes de lado; e colorido de verde, por acção do chá Matcha.

Ainda na borda do prato, temos, a amarelo, o ananás – caramelizado, quente e doce.

Ao centro, surge um molho de maracujá, sobre o qual o chef apresenta um gelado de baunilha com uma framboesa no topo.

Estando o prato decorado com uma das temáticas preferidas do chef – corações.

É que Henrique Leis, para além de cultivar a arte da cozinha, tem igualmente o gosto da pintura.

Mas não pinta só quadros, também pinta pratos…

(continua)

Fotografias: Marta Felino / Flash Food

HENRIQUE LEIS | Vale Formoso, Almancil, Portugal | Chef Henrique Leis

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:45

HENRIQUE LEIS: (VIII) «Obrigado, mas agora não me apetece um ovo cozido!»

por Raul Lufinha, em 17.10.13

Numa casca de ovo autêntica…

Nos menus de degustação do restaurante HENRIQUE LEIS, o chef disponibiliza um menu impresso para os clientes irem acompanhando o desenrolar da refeição – no qual, a seguir ao prato de carne, vem a sobremesa.

De modo que, quando se aguardava pela chegada da sobremesa… o que surge na mesa é um ovo!

A casca, é autêntica – até tem gravado aquele código que é obrigatório os ovos terem…

E, à meia-luz, o interior também parece ser o de um ovo cozido…

Mas se o chef o mandou para a mesa, é para comer!

… um falso ovo cozido

O qual porém se vem depois a revelar ser… um falso ovo cozido!

Na verdade, é uma deliciosa pré-sobremesa de chocolate branco e chocolate preto, com figo.

Mas parece tão real que há clientes que rejeitam o ovo assim que chega à mesa: «Obrigado, mas agora não me apetece um ovo cozido!»

Nesses casos, a equipa de sala tem que lhes desvendar o mistério e explicar que na verdade… do ovo, só há a casca!

Uma provocadora pré-sobremesa de Henrique Leis

É que Henrique Leis domina as técnicas clássicas… mas também tem um sentido de humor irreverente e provocador.

(continua)

Fotografias: Marta Felino / Flash Food

HENRIQUE LEIS | Vale Formoso, Almancil, Portugal | Chef Henrique Leis

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:55

HENRIQUE LEIS: (VII) O elogio dos rosés com madeira

por Raul Lufinha, em 16.10.13

Barranco Longo Oaked Rosé 2009

Nos casos em que se prescinde do menu de vinhos para acompanhar o menu de degustação, a opção por uma única bebida que se harmonize de forma adequada com todos os sucessivos e diferentes pratos implica uma escolha particularmente crítica – e difícil.

Uma primeira opção seria escolher um, sempre versátil, espumante – e não, não é preciso ser estrangeiro, que em Portugal já os há ao nível do melhor que se faz na região de Champagne. Veja-se o caso dos da Bairrada.

Outra possibilidade será um vinho verde, nomeadamente um Alvarinho de vinhas velhas. Que poderá no entanto ser mais difícil conciliar com alguns pratos de carne – mas neste caso pode escolher-se um tinto a copo.

E existe também a solução dos… rosés com madeira!

Ou seja, rosés que, devido à circunstância de estarem em contacto com a madeira, conseguem conciliar num único vinho o melhor dos dois mundos, isto é, dos vinhos brancos e dos vinhos tintos.

Por um lado, têm uma quantidade reduzida de taninos e uma elevada acidez, sendo servidos à temperatura dos brancos – o que é perfeito para acompanhar peixe e marisco; e também para jantar ao ar livre, quando a temperatura ambiente ultrapassa os 30 graus…

Por outro lado, como são feitos a partir de castas tintas e têm esse contacto adicional com a madeira, ganham um teor alcoólico superior e ficam com mais corpo do que os brancos, apresentando uma estrutura próxima à dos tintos e sendo vinhos bastante intensos e complexos – o que lhes permite aguentar o embate com os pratos de carne mais exigentes.

Daí que estes rosés, embora feitos para consumo imediato, tenham potencial de envelhecimento.

Um excelente exemplo de um rosado com madeira é o Redoma Rosé, feito no Douro por Dirk Niepoort.

Mas estar no Algarve é uma oportunidade única para desfrutar dos bons vinhos da região...

... e para reencontrar o magnífico Barranco Longo Oaked Rosé 2009.

Produzido por Rui Virgínia a partir de uvas das castas Aragonez e Touriga Nacional, estagiou três meses em cascos novos de carvalho americano e francês.

Fresco, encorpado, intenso, complexo, com um final persistente, o Oaked Rosé da Quinta do Barranco Longo acompanhou muito bem toda a refeição do princípio ao fim.

E confirmou a elevada versatilidade e aptidão gastronómica dos vinhos rosés com madeira.

(continua)

Fotografias: Marta Felino / Flash Food

HENRIQUE LEIS | Vale Formoso, Almancil, Portugal | Chef Henrique Leis

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:44

HENRIQUE LEIS: (VI) Pintada & Foie Gras

por Raul Lufinha, em 15.10.13

"Supremo de pintada de Bresse recheado com foie gras"

Nos pratos de Henrique Leis perpassa o seu superior domínio das técnicas clássicas e a influência de ter trabalhado com grandes mestres da cozinha francesa, como o lendário Paul Bocuse, Pierre Troisgros, Guy Savoy ou Pierre Gagnaire.

É o que sucede com o magnífico supremo de pintada de Bresse recheado com foie gras.

Que tinha ainda uma crosta de pumpernickel, com frutos secos e figos.

E estava acompanhado de cenoura, aipo e beterraba – cada um dos quais trabalhados, com as respectivas especiarias, em puré e em espuma.

(continua)

Fotografias: Marta Felino / Flash Food

HENRIQUE LEIS | Vale Formoso, Almancil, Portugal | Chef Henrique Leis

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:02


Partilha de experiências e emoções gastronómicas

Raul Lufinha

Facebook


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

  Pesquisar no Blog


Últimos comentários

  • Susana Coelho

    Sem dúvida, que este Chef Leonel Pereira é único e...

  • Marta Felino

    Muitos, muitos, parabéns, Chef Leonel Pereira!Mais...

  • Duartecalf

    Obrigado pelo esclarecimento!

  • Raul Lufinha

    Cronologicamente, Duarte, é ao contrário – o Samue...

  • Duartecalf

    Olá Raul,Este restaurante não está/esteve ligado a...

  • Dacosta

    A DACOSTA - comércio e distribuição de bebidas (ww...

  • ana araujo

    Já provei alguns sabores e gostei muito. Recomendo

  • NINI

    O Dear Breakfast , é um espaço bonito , luminoso ...

  • Ana Dias

    Em vez de seguirem uma linha própria preferem "ins...

  • Raul Lufinha

    Não pode perder o de Café, bastante cremoso! E o d...


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D